Como Usar o Cérebro de Forma Correta Para Dirigir Melhor

Como Usar o Cérebro de Forma Correta Para Dirigir Melhor?

Inteligência | Por: | 59 Comentários

Como usar o cérebro para dirigir melhor

Se você realmente quer PASSAR NA PROVA DO DETRAN, faça agora um teste especial online. [FAZER O TESTE].

Durante todos os anos em que ensinei os meus alunos a dirigir melhor, sempre me perguntei o que poderia ser feito para que uma pessoa comum pudesse dirigir bem sem fazer muito esforço.

Descobrir a resposta exige um trabalho sério de pesquisa que chega até ao nível científico. Mas pode ter certeza que existe um caminho para que você possa dirigir sem medo, sem dificuldades e em um tempo rápido.

E por falar em tempo, hoje a maioria das pessoas não dispõe de tempo livre e por isso acabam adiando a possibilidade de resolver o problema de dirigir.

Mas quais conclusões podemos chegar para uma pessoa dirigir melhor?

Primeiro é preciso compreender como usar o cérebro com todo o seu potencial e descobrir isso me fez acreditar que qualquer pessoa que aprenda a usá-lo pode dirigir sem dificuldades.

Nós temos não só um cérebro, mas 3!

Isso mesmo, nós não possuímos apenas um cérebro, mas três. E saber disso pode definitivamente lhe ajudar a dirigir mais rápido e com eficiência.

Nós possuímos o cérebro reptiliano, o cérebro mamífero ou límbico e também o cérebro neo córtex. Cada um tem uma função e vou explicar com detalhes para você. Lembrando que, entender isso pode resolver muitos problemas que você possa ter ao dirigir.

O cérebro reptiliano

Pra você entender melhor, o nosso cérebro é divido em 3 e um deles é o reptiliano. Esse cérebro é composto pela nossa coluna vertebral e vai até o início do cérebro. É chamado de reptiliano pois os répteis tem esse cérebro.

Coordena nossas ações de sobrevivência, reflexos e necessidades básicas como comer, dormir, ir ao banheiro... e principalmente o MEDO.

Muitas pessoas ao dirigir usam esse cérebro e por isso deixam que o medo assuma a frente, como uma atitude de sobrevivência. Entendeu agora o motivo do medo de dirigir?

O cérebro Mamífero (límbico)

O cérebro mamífero coordena nossas emoções, sonhos, sentimentos. Neste cérebro também nós temos a memória de longa duração. Guarde isso, ok?

Sempre que precisamos guardar algo em nossa memória, como por exemplo, fazer todas as manobras para dirigir, precisamos usar este cérebro.

Quando temos fortes emoções, sejam positivas ou negativas, nosso cérebro mamífero ativa a memória de longa duração. É por isso que não esquecemos os momentos felizes de nossa vida e também os traumas.

O cérebro mamífero deve ser usado para nos ajudar a aprender pois ele utiliza a memória de longa duração, nos possibilitando a aprender de forma mais acelerada.

O cérebro neo córtex (ou primata)

Este cérebro somente os macacos e nós humanos possuímos. Com ele nós conseguimos ter raciocínio lógico, tomar decisões que exigem mais concentração. Com ele também nós conseguimos ter mais performance. Atletas profissionais são preparados para aprender a usar essa parte de nosso cérebro para alcançar resultados acima da média.

Este cérebro coordena também as memórias de curta duração. Com este cérebro só conseguimos guardar informações por pouco espaço de tempo.

Mas o que isso tem haver com aprender a dirigir?

Tem simplesmente tudo a ver. Se você entender como o nosso cérebro funciona e usá-lo da forma correta, certamente vai dirigir mais rápido e sem maiores dificuldades.

Na verdade um cérebro depende do outro. O neo córtex depende do límbico, que depende do reptiliano. Nós precisamos ter concentração (neo córtex) para termos melhor performance, mas para isso precisamos aprender a técnica para dirigir.

Isso só é possível se conseguirmos somar o aprendizado com alguma emoção forte (cérebro límbico) para ativar as memórias de longa duração.

Mas para termos emoções fortes e positivas precisamos do cérebro reptiliano para nos proporcionar o ambiente perfeito de segurança e sobrevivência para podermos aprender a dirigir de forma eficiente.

Tem mais...

O não entendimento do funcionamento do nosso cérebro é a causa de muitas pessoas terem medo de dirigir. É a causa também de muitas pessoas já que são habilitadas mas não conseguem dirigir.

A sugestão é que você procure proporcionar o melhor ambiente para que você se sinta seguro, consequentemente terá a tranquilidade para aprender. Depois procure aprender a dirigir juntamente com emoções positivas pois isso vai ativar suas memórias de longa duração.

Por último quando já tiver aprendido, chegará a hora de usar o cérebro neo córtex, que é o que nos proporciona a capacidade de concentração e raciocínio lógico, que lhe possibilitará dirigir com eficiência.

Em breve vou explicar como podemos utilizar cada cérebro de forma mais detalhada.

Deixe o seu comentário logo abaixo e compartilhe esse conteúdo pois pode ajudar muitas outras pessoas.

Um grande abraço.

Instrutor Fabiano

Se você gostou desse artigo e quer PASSAR NA PROVA DO DETRAN, clique aqui e faça um teste especial online.

COMPARTILHE


Sobre o Autor


Foto Autor

Fabiano Silva

Fabiano Silva é o criador do euquerodirigir.com. Por quase uma década ajudou milhares de pessoas a dirigir melhor e também a passar no exame de direção do Detran. Sua missão é ajudar o Brasil a ter o melhor trânsito do mundo. [Saiba mais]

Posts Relacionados


Não há posts relacionados.

Comentários


  1. Paula
    11 de julho de 2015 às 0:34

    Estou feliz demais , li hoje de tarde essa materia e cheguei determinada a pegar o carro, eu sai com o carro da garagem sozinha!!! A noite, Fui ate a casa da minha mae, morria de medo de dirigir sozinha, me superei, nao estou acreditandoooooo, gracas a Deus e a esse apoio, "As palavras tem poder" quando vc aceita e determina hoje botei meu 3 cerebros para funcionar e nao eh que deu certo rsrs, vou continuar lendo as materias para treinar e ficar sem medo e confiante....Valeuuuu uhuuuuu😄

  2. maria lúcia
    30 de junho de 2015 às 11:18

    Bom dia!
    Estou fazendo as aulas prática e sou muito distraída,esqueço de sinalizar,de colocar a primeira marcha para sair e me sinto muito insegura,tenho medo!
    Achei muito interessante esse assunto sobre o nosso cérebro.
    Eu sou capaz sim,e irei conseguir com o meu esforço e a graça de Deus.
    Obrigada Fabiano!
    Você é um ótimo instrutor!

  3. cicera
    9 de junho de 2015 às 20:09

    ola fabiano eu tirei habilitacao agora com suas dicas vou conseguir ainda tenho medo mas estou confiante ainda mas agora com suas dicas obrigado

  4. Sergio Ribeiro
    9 de junho de 2015 às 16:15

    muito boa matéria já tenho a cnh mas só ando próximo da minha casa, dificuldade varias trocar marcha e por ai vai.a já tenho seu Kit muito bom.

  5. Viviane
    9 de junho de 2015 às 14:49

    Boa tarde Fabiano!!!
    Excelente, gostei muito desta matéria, não sabia desses detalhes em nosso cérebro.
    Vou trabalhar meu cérebro da melhor forma possível, para me sair bem nas aulas de direção, eu sei todos os processos para dirigir, mas ainda deixo o medo e a insegurança tomarem conta de mim. O que devo fazer?

  6. Rosangela
    31 de maio de 2015 às 19:53

    Boa noite, Fabiano.

    Gostei do seu texto, tenho acompanhado alguns vídeos seus. O meu problema é o medo de dirigir, tenho habilitação já faz mais de cinco anos, mas foram poucas vezes que peguei o carro, se estiver alguém comigo não há problema, mas sozinha é difícil. quando tenho que ir a algum lugar, penso em ir de carro, mas já desisto e penso: "Posso ir de ônibus ou a pé" e vou. O carro é meu, comprei um carro zero, mas ele já vai completar 6 anos e a quilometragem é baixa...Não sei como saio desta...

  7. NINA
    29 de maio de 2015 às 13:18

    Excelente post, quero aprender a utilizar o maximo da minha capacidade. Tentei tirar há dez anos e estou retornando agora.

  8. Cyntia
    24 de maio de 2015 às 19:06

    Boa noite!!!
    Amei sua matéria sobre o celebro... tirei minha carteira a um mês confesso que tenho medo de sair sozinha sem alguém habilitado do meu lado, acho que fiquei dependente do meu instrutor... Me ajudou muito essa matéria com certeza vou superar meu medo... obrigada.. Um abraço!!!

  9. maria da conceição cristalino
    21 de maio de 2015 às 15:59

    Olá Fabiano ,tenho lido suas matérias mas ainda não consegui perder o medo na hora do exame
    quando o examinador entra no carro pronto apaga-se tudo que aprendi gostaria de adquirir seus
    quites de como passar na prova do Detran .Mas infelizmente quando descobri seu trabalho já tinha investido muito em aulas e por hora não cabe em meu orçamento obrigado pelas dicas e até a proxima

  10. Tereza Gesing geratti
    20 de maio de 2015 às 17:35

    Em qual cidade você da aula de direção e quanto custa sua hora?

  11. marlussy
    20 de maio de 2015 às 10:08

    ola,já venho lendo suas matérias a algum tempo,sou habilitada a uns 4 anos e nunca dirigi depois que sai da auto escola,tenho carro e fica na garagem,passo muito aperto por nao dirigir ,tenho dois filhos que estudam em escolas longe uma da outra e as aulas iniciam e terminam no mesmo horario,é uma correria so.nao to mais dando conta.
    mais por outro lado morro de medo,nao tenho noçao nenhuma de espaço,e morro de medo de parar no morro,penso que se tivesse um carro automatico,seria mais facil.nao sei mais o que fazer pra vencer esse medo.

  12. marcos gomes
    15 de maio de 2015 às 13:23

    Obrigado pela matéria, passei um ano em pânico sem pegar no carro, superado o problema, tenho dificuldade na terceira e quarta marcha, por problema auditivo também, como saber a hora de mudar a marcha? Muito obrigado!

  13. IRLANDO
    15 de maio de 2015 às 12:51

    Bom dia. Muito interessante esta sua descoberta sua. Porque tudo na nossa vida esta na mente. so que tenho que indentificar o que esta relacionadas a estas debilidades. Isto vai mim ajudar a descobri de onde vem a minha.

  14. Danila
    15 de maio de 2015 às 10:45

    Muito esse artigo, preciso perder o medo logo e estou adiando por falta de verba, mas preciso quanto está saindo mesmo?

  15. Edja Maria
    15 de maio de 2015 às 10:04

    Bom dia
    Fabiano
    É muito interessante essa materias que vc nos passa, e realmente está me ajudando muito. Obg

  16. Giovanne
    14 de maio de 2015 às 22:40

    venho dirigindo bem a cada dia,mais estou com muita dificuldades em baliza,demoro muito para conseguir realizar, pode me ajudar? obrigado

  17. Benildes Araujo da Paixão
    14 de maio de 2015 às 22:07

    Interessante sua matéria. Estou com exame marcado pra junho e minha instrutora tem me ajudando muito falando para mim sobre a autoconfiança. Já passei por alguns instrutores e acredito que este faz uma enorme diferença no aprendizado. O instrutor de auto escola precisa ter muito preparo para ajudar o candidato a superar os medos e inseguranças que quase todas as pessoas têm.
    Mas Fabiano, que bom seria se tivessem exercícios para ativar ou direcionar, não sei... esses cérebros que temos.

  18. Tuta Platina
    14 de maio de 2015 às 20:53

    Gostei da sua matéria,muito interessante,agora vou procurar compreende-la melhor para por em prática.Infelizmente reprovei cinco vezes deixando o carro morrer no percurso,venceu o prazo e tenho que recomeçar.Venci muito dos meus medos com seus artigos.Obrigada.

  19. Maria
    14 de maio de 2015 às 20:07

    Boa noite Fabiano, sua materia sobre o cerebro e muito interessante. Gostaria de saber de voce como e que eu faco para perder o medo de dirigir. Acho ate que dirijo muito bem, mas o carro automatico, este sim e maravilhoso. Mas quando se trata do carro de marchas, ai a coisa fica dificil. E possivel me ajuda? Desde ja agradeco.

  20. Solange
    14 de maio de 2015 às 18:32

    Olá Fabiano, como todos achei maravilhosa sua explanação sobre o cerebro, agora ajude-nos a usar cada qual devidamente nesse processo complicado onde ficamos á mercê de examinadores que nos deixam atônitos. Parabéns esperamos mais...muito mais. Obrigada.

  21. Dena Alves
    14 de maio de 2015 às 17:53

    Acho que o meu cérebro mamífero, ñ funciona muito bem, o reptiliano parece que está funcionando pelos dois, com esse problema está sendo difícil usar o córtex... dá pra entender? esqueço os procedimentos, tipo embreagem para passar as marchas, baixar freio de mão... E tb ñ consigo consiliar a retirada do pé da embreagem com o colocar o pé no acelerador. EU Ñ QUERO DESANIMAR...

  22. maria helena
    14 de maio de 2015 às 16:50

    0la fabiano! boa tarde.hoje tive curiosidade de ler seu artigo , muito bom , o meu problema e q nao consigo tirar minha cnh,.fui a banca 3 veses , . e nao consegui .o meu estrutor nao entende pois diz q dirujo bem , mas na hora do exame , nao consigo , bom . minha pauta vence em junho dia 4 , , tenho mais uma chance na semana do dia 25 agora . mas me falaram q nao vai mais ter banca nestes dias , nao sei oq faço.obrigada

  23. Denilse
    14 de maio de 2015 às 16:12

    Gostei muito da sua matéria, já estou habilitada mas não consigo sair de carro, pois tenho muito medo me da um pavor só de pensar em pegar a chave do carro. Aguardo outros artigos, pois preciso muito.

  24. Lucinea
    14 de maio de 2015 às 15:54

    Boa tarde!

    A matéria é bem interessante. Acredito que vai ajudar muita gente a se encontrar no momento de dirigir.

  25. priscila
    14 de maio de 2015 às 15:14

    primeiramente obrigada pelas dicas... bom o meu problema é o seguinte, eu faço tudo certo nas aulas, não erro nada, porem como diz o meu instrutor, eu me transformo no dia do exame e não saio nem da primeira parte da baliza, parece q tudo q eu aprendi some da minha mente, eu já não sei o q fazer, reprovei todas as vezes por esquecer coisas muito fáceis me ajudaaaaaaaaaa pois ja estou desistindo.......

  26. Barbara
    14 de maio de 2015 às 13:21

    Queria muito a sua ajuda mas sinceramente não acredito em nada disso. Passei um ano e 7 meses em uma clinica com instrutores e psicologa tive alta dirigi por 4 meses e depois que fui assaltada dirigi por mas uns 3 meses e parei tem 6 meses de dirigir. Faço terapia a um ano e não voltei a dirigir acho que para mim não tem jeito. E tenho um carro automatico.

    • 14 de maio de 2015 às 16:41

      Olá Barbara! Eu entendo a sua situação. Até te parabenizo pois você buscou recursos onde encontrou. Só lhe digo para não desistir, ok? Um grande abraço.

  27. Eunice
    14 de maio de 2015 às 12:59

    Muito boa essa matéria sobre os nossos cérebros, eu ainda não dirijo, mais estou me preparando para entrar em uma auto escola; pois não sei qual será minha reação ao pegar num volante pela primeira vez, espero que não fique tão nervosa pois estragaria tudo, espero que o cérebro reptiliano não entre em ação.

  28. valerio
    14 de maio de 2015 às 12:50

    gostei do texto e fico no aguardo de outros artigos falando mais sobre este assunto.

    • 14 de maio de 2015 às 16:45

      Olá Valério! Que bom que gostou. Em breve publicarei novos artigos.

  29. Alexandra Barroso
    14 de maio de 2015 às 12:37

    Muito bom este artigo, eu tenho enfrentado dificuldades nas aulas praticas de direção, por causa do nervosismo e consequentemente reflete na prova, com os resultados de reprovação. Estava precisando dessa leitura. Obrigada.

  30. Márcia
    14 de maio de 2015 às 12:34

    Boa tarde!
    Também gostei do texto, parabéns!!
    Eu não tenho medo de dirigir, porém ainda não consegui a carteira. Na primeira tentativa, há 5 anos nem sai da baliza...kkkk
    Comecei um novo processo, e mais uma vez não saí da baliza em duas oportunidades, resultado perdi novamente o processo pois já estava findando o prazo de um ano quando fiz as provas. Estou no terceiro processo e devo fazer a prova no próximo mês e detalhe, só vou ter tempo para fazer duas e caso não passe.....kkkkkk...vou para mais um processo só que vou está dirigindo. será que devo?

    • 14 de maio de 2015 às 16:44

      Olá Marcia! Eu diria que você deve tentar sim. Se não tentar vai ficar a vida toda se perguntando se conseguiria ou não. Por isso vá a luta. Forte abraço e sucesso.

  31. cleide aparecida
    14 de maio de 2015 às 11:42

    Muito bom esse artigo ,entendi muitas coisas e vou melhorar!

  32. Suzana
    14 de maio de 2015 às 11:37

    Bom dia !
    Achei muito interessante a matéria sobre o cérebro e acho que faz muito sentido em nossa prática diária, faço pequenos percursos próximo a minha casa , retiro e coloco o carro na garagem mas quando penso neste processo já começo a sentir as pernas tremendo e taquicardia e na subida então os sintomas aumentam ao ponto que não consigo sair do lugar, então preciso aprender a acionar a parte do cérebro neo córtex.

    • 14 de maio de 2015 às 16:42

      Olá Suzana! Vou escrever mais sobre esse assunto. Até mais.

  33. Carmelita
    14 de maio de 2015 às 11:33

    Bom dia Fabiano,parabéns interessante a matéria do Cérebro vou ler com atenção.
    Abraço

    • 14 de maio de 2015 às 13:01

      Olá Carmelita, que bom que gostou. Vou escrever mais sobre esse assunto.

  34. Marcio
    14 de maio de 2015 às 10:39

    Gostei muito do artigo pois pessoas como eu que nunca dirigiu vê tanta coisa errado no transito, que dá medo de aprender a dirigi, tenho certeza de que este artigo poderá ajuda as pessoas a perde o medo de dirigir.
    Parabéns!

    • 14 de maio de 2015 às 13:01

      Olá Márcio. Que bom que gostou do conteúdo. Forte abraço.

  35. Maria Socorro A Pereira
    14 de maio de 2015 às 10:18

    Muito interessante, vou meditar com mais precisão nestas informações e jogar na prática, futuramente mandarei comentário do resultado.
    Abraço

    • 14 de maio de 2015 às 13:00

      Olá Socorro. Vou ficar aguardando hein!. Grande abraço.

  36. cleonice
    14 de maio de 2015 às 10:15

    Olá prof. Fabiano gostei muito desta postagem que acho que para mim é muito importante ,porque tive 4 reprovas e nesse periodo completou 1 ano que iniciei.resumindo terei que fazer tudo novamente escolinha prova teórica e tudo mais.

    • 14 de maio de 2015 às 13:00

      Olá Cleonice, que bom que gostou. Vou trazer mais conteúdo nessa linha. Abraços.

  37. Telma
    14 de maio de 2015 às 10:14

    Olá..., gostei do texto, eu realmente tenho muita dificuldade em dirigir..., não sei de onde vem esse medo....espero ansiosamente pelo próximo texto. Obrigada

    • 14 de maio de 2015 às 12:58

      Olá Telma, vou escrever mais sobre esse assunto. Pode deixar. Grande abraço.

  38. Angela
    14 de maio de 2015 às 9:40

    Bom dia Sr. Fabiano.

    Interessante a matéria do Cérebro

    hoje entendi o porque quando fui fazer a prova da baliza, quando sentei no carro
    deu uma pontada na coluna ai fiquei muito nervosa e não consegui fazer nada.
    E o cérebro reptiliano que envolve a coluna. e agora?
    Grata

    Angela
    Campo Grande MS

    • 14 de maio de 2015 às 12:59

      Olá Angela. Pois é, pode ter sido a causa mesmo. Vou trazer mais matérias sobre esse assunto. Abraços

  39. Noeme
    14 de maio de 2015 às 8:14

    Você é muito antenado,tem nos ajudado muito,eu dirijo bem,suas dicas são ótimas.

    • 14 de maio de 2015 às 12:58

      Olá Noeme! Vou trazer mais coisas interessantes pra vocês. Aguarde.

      • ritacosta lins
        30 de junho de 2015 às 0:31

        maravilhoso tirei varias duvidas. obriga mestre !

  40. Renata Pereira
    14 de maio de 2015 às 7:54

    Muito bom o conteúdo do seu texto, é assim mesmo que funciona. Meu esposo me ensinou a dirigir, eu de tanto andar ver ele dirigindo, meio que ja tinha noção de como dirigir, porém, o medo que tomava conta de mim, fazia com que eu tivesse dificuldades na direção, achando até que nao conseguiria dirigir sem que tivesse alguém habilitado do meu lado...mas superei o medo, com a necessidade que tinha, que é a de levar e buscar nosso filho na escola.
    Hoje com 2 meses dirigindo, posso dizer que esse medo que me travava na direção esta quase 100% superado.Agora é esperar a carteira de habilitação.

    • 14 de maio de 2015 às 12:57

      Olá Renata! Continue firme no seu propósito! Obrigado pelo comentário.

  41. Eduardo Prochnou
    14 de maio de 2015 às 7:46

    Bom dia. Tudo bem??

    Minha situação é diferente tenho deficiencia fisica olho direito não movimenta mais já fiz cinco cirurgias no olho. Agora dirijo so na cidade, mas na estrada ainda tenho medo. vou com um instrutor no meu carro. Tenho que manter o rosto no horizonte, se virar para esquerda vejo duas imagens dai o risco de acidente é maior. Sou eng. agronomo e meu serviço depende de roça para ir. Minhas familia tem medo de outro acidente grave. Mas vou lutar para perder o medo e tenho que voltar a trabalhar. Talvez vc pode me ajudar mais. Obrigado. Bom dia e bom trabalho

    • 14 de maio de 2015 às 12:56

      Eduardo, lhe aconselho a ter um acompanhamento de um profissional que possa lhe ajudar a tirar proveito da sua situação. Existem outras formas de superar isso. Eu por exemplo sou deficiente auditivo (muitos não sabem. hehehe). Não escuto do ouvido direito. Procuro compensar isso tendo uma atenção mais expansiva que me possibilita me resguardar de acidentes. Grande abraço.

Deixe o seu comentário